E-commerce ajuda crescimento da logística no mundo

O aumento das atividades do e-commerce tem dado mais impulso para o crescimento da logística, principalmente em relação à demanda por centros de distribuição. A relação foi apurada no relatório Global Prime Logistics Rents, que afere as negociações de imóveis comerciais.

Segundo o estudo, o aluguel dessas estruturas aumento 2,8% em todo o mundo, com um crescimento de duplos dígitos nos EUA.

A pesquisa, realizada pela CBRE Group, aponta que a alta do aluguel de condomínios logísticos do tipo Prime Logistics Rents – estruturas de maior qualidade – nas Américas liderou o ranking mundial com alta de 5,6%. A Ásia teve crescimento de 2,5%, enquanto Europa, Oriente Médio e África apresentaram altas de 0,8%.

“A demanda do consumidor global é forte e uma parcela cada vez maior do crescimento das vendas acontecem online”, afirma Richard Barkham, economista global da CBRE. Para o Barkham, esse fenômeno faz com que os revendedores tradicionais, e-commerce e fornecedores logísticos procurem estruturas Classe A de armazenagem para modernizar a cadeia de suprimentos e facilitar a entrega rápida dos produtos.

Para David Egan, chefe de pesquisa industrial e logística da CBRE nas Américas, os serviços de entrega passam por uma mudança drástica. “O velho paradigma do supply chain com poucas bases em posições geográficas para atender diferentes regiões de um país com entregas em três ou quatro dias não funciona mais”, explica.

O executivo explica que o tipo de estrutura necessária para essa nova realidade ainda é raro, mesmo no mercado norte-americano, já que envolve um tipo específico de construção.

Egan explica que muitas empresas estão tentando construir estruturas que atendam o novo padrão de qualidade. Como a demanda é mais alta que a oferta, os preços aumentam.

As expectativas da CBRE apontam para que a demanda continue superando a oferta no futuro próximo, ainda que o mercado não seja livre de riscos. “O comportamento dos consumidores e do e-commerce não irão mudar e eu acho que a pressão na pesquisa e racionalização do supply chain permanecerá crescente”, afirma Egan.

Para o executivo, o novo padrão para a demanda é muito mais alto do que previamente. 
Confira o relatório no link: http://www.cbre.com/research-and-reports/global-prime-logistics-rents
E-commerce ajuda crescimento da logística no mundo
Author:
LOG
Log CP

NOTÍCIAS RELACIONADAS